Mâncora

Mancora, 21 e 22 de março de 2012

De volta ao litoral, decidimos ficar em Mâncora ao invés de Tumbes. A praia é bem legal, ambiente de surfistas, hippies e alternativos. Você vai encontrar de hotéis sofisticados com spa e instrutores de yoga a campings alternativos cheios de bicho grilo. Ficamos no Camping do Tito, um ambiente muito legal, com um lindo jardim, cozinha e uma galera bem divertida. Passamos o dia na praia, tomamos nosso primeiro torrão. O mar estava espetacular, quente com pequenas ondinhas, acho que ficamos por horas. Vimos um morador muito corajoso dando um esporro em um policial que estava sentado mandando mensagem no celular, mandou ele se levantar e ir trabalhar, que a população não está pagando pra ele ficar coçando o saco, este nobre cidadão ainda tirou uma foto e disse que iria denunciá-lo por não cumprir com suas obrigações, infelizmente o policial ignorou por completo sujeito.

No fim do dia andávamos pelo centrinho, apreciávamos artesanatos, curtíamos o pôr do sol e os mosquitos. Muitos, muitos, muitos mosquitos, ficamos com alergia e passamos por alguns dias com o sono interrompido por tanta coceira, cheguei a pensar que poderia estar com catapora, sarampo ou algo do tipo, pois nosso corpo estava infestado de bolinhas vermelhas. Nos divertimos caminhando pela praia e um coroa espanhol bem apessoado, como diria minha vó, estava cavalgando e nos pediu para tirar uma foto dele em seu blackberry trotando ao por do sol na praia de Mâncora, para mandar a foto aos seus fans do face book. Morro e não vejo tudo.

Anúncios